fbpx

Confira 4 vantagens da governança de segurança da informação!

4 minutos para ler

A governança de segurança da informação pode ser definida como um sistema de controle de atividades desenvolvidas pelas empresas para que o uso de dados e de informações seja feito de forma segura. Assim, são reduzidos os riscos, tais como os vazamentos, os roubos e os ataques cibernéticos, entre tantos outros.

Existem diversos protocolos de segurança que devem ser seguidos, como o uso de programas de antivírus e malwares. Seguir legislações, como a nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), também é relevante.

Apesar de representar um processo rigoroso, a governança de segurança da informação pode ser bastante vantajosa para as empresas. Veja, a seguir, os principais benefícios que podem ser obtidos ao implementá-la!

1. Automação de processos

Na governança de segurança de informação, os processos são automatizados. Isso acontece porque novos softwares são utilizados — muitos deles empregando a criptografia de ponta a ponta para proteger os dados.

Com processos automatizados, as empresas tendem a conquistar mais resultados positivos, como o aumento da produtividade. Se os colaboradores são mais produtivos, obviamente, a companhia também aumenta os lucros.

2. Otimização do uso de ferramentas

O uso das ferramentas também é otimizado quando esse tipo de governança é implementado. Afinal, as empresas passam a observar mais detalhadamente os riscos que cada recurso oferece.

Se um programa for vulnerável, por exemplo, ele será otimizado para que ofereça menos riscos à companhia. Certamente, isso é muito vantajoso para que multas deixem de ser aplicadas.

3. Melhoria nos processos

O monitoramento das atividades é constante quando se desenvolvem programas de governança de segurança da informação nas empresas. Assim, ocorrem melhorias nos processos, uma vez que os gestores de TI terão uma visão ampla sobre as atividades que são desenvolvidas em todos os setores da companhia.

Imagine, por exemplo, que o setor de recursos humanos utiliza um software para fazer o recrutamento e a seleção de colaboradores para a organização. O uso desse programa será monitorado pela TI, para que se garanta a sua segurança. Enquanto procura falhas, o profissional de tecnologia também pode identificar mudanças que possam otimizar os processos. O mesmo acontece em todas as demais áreas.

4. Antecipação de problemas

Algo muito comum de acontecer nas empresas é o fato de os problemas “estourarem” de uma hora para outra. Assim, a TI acaba tendo que “apagar incêndios” e parar todos os trabalhos estratégicos para resolver situações urgentes, como as que envolvem o vazamento de dados.

Com um processo de governança bem definido, ocorre a antecipação de problemas. Isso acontece porque o monitoramento antecipado fará com que as falhas sejam descobertas ainda no início, antes de se tornarem um grande problema.

Como você pôde perceber, é muito importante que as empresas adotem boas práticas de governança de segurança da informação, não é mesmo? Afinal, as vantagens obtidas são muito significativas.

Para que seja possível acompanhar mais informações relevantes como essas para a sua empresa, convidamos você a curtir a nossa página no Facebook. Temos a certeza de que você gostará muito do conteúdo que publicamos por lá.

 

Thiago Cabral

Bacharel em administração e pós-graduado em Gestão e Governança de TI pela FIAP. Com cerca de 10 anos de experiência no mercado de segurança da informação, ajudou a fundar a empresa Athena Security, onde atua como Sócio-Diretor responsável pelas estratégias de Marketing e pela qualidade de atendimento ao cliente. Acredita que a chave para o sucesso é a especialização, atendimento consultivo e visão inovadora.

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Share This